HOME
Busca:
 
AGENDA
LOCALIZAÇÃO
INSTALAÇÕES
ASSOCIADOS
ASSOCIE-SE
BANCO DE CURRÍCULOS
EVENTOS
CONTATOS
AGENDA CULTURAL
ANUNCIE AQUI








VOLTAR

ACERB - 02/06/2014

Pelo desenvolvimento da Zona Oeste

Presidente da Acerb, Wagner Ferreira entra em campo na luta pelo bem-estar social e empresarial de toda a regio


Wagner: H uma carncia de espao para o desenvolvimento das micro empresas

Fundada em 14 de fevereiro de 1968 por um grupo de empresrios que tinha o sonho de organizar uma entidade que pudesse representar as suas aspiraes, reivindicando e defendendo os direitos de uma classe. Hoje, a Associao Comercial e Empresarial da Regio de Bangu (Acerb) exerce papel fundamental na regio, com a total credibilidade de seus associados.

Sempre buscando o desenvolvimento da Zona Oeste, o presidente Wagner Ferreira esclareceu algumas questes relacionadas ao projeto de criao do Distrito Industrial de Bangu. O projeto de criao do DIB est em consonncia com o desenvolvimento da cidade do Rio como um todo, e da Zona Oeste em particular. Segundo Wagner, o projeto nasceu de um estudo feito pelo Instituto de Economia da UFRJ coadjuvado pelas Associaes Comercias de Bangu, Campo Grande, Realengo, Santa Cruz e o Distrito Industrial de Santa Cruz, que aponta que embora ainda haja uma predominncia das atividades comerciais e de servios, comparativamente com o Municpio do Rio a Zona Oeste mais especializada em atividades industriais, tendo aumentado esta especializao entre 1998 e 2006. Segundo este estudo, j se percebe, hoje, na Zona Oeste a necessidade do adensamento da cadeia produtiva (setores ligados por relaes de compra e venda) de metal-mecnica, por fora da existncia de um amplo conjunto de atividades, desde a produo de matria prima (minrio de ferro, cromo, nquel), o processamento de semi-acabados, laminados planos e longos, relaminados, trefilados e perfilados, at a fabricao de maquinas e equipamentos de artigos de metal para uso domstico. Existe ainda na Zona Oeste um leque de setores demandantes de ao inox, tais como, os de alimentos e bebidas, qumico e farmacutico, editorial e grfica.

Com o intuito de estimular o potencial da regio, o vereador Marcelino D"Almeida (PSB) apresentou o Projeto de Lei n 318/2013, que cria o Distrito Industrial de Bangu. O Poder Pblico Municipal fica autorizado a promover, quando necessrio, a desapropriao das reas localizadas no Distrito Industrial, amigvel ou judicialmente, para ced-los, como incentivo econmico e com destinao especfica, s empresas que se estabelecerem ou ampliarem suas atividades, obedecida a legislao municipal vigente.

H mais de 10 anos como presidente da ACERB, Wagner Ferreira e vice-presidente da Federao da Associao Comercial do Rio de Janeiro (FACERJ) afirmou que os moradores sero os principais beneficiados com o Distrito Industrial de Bangu. A elevao do nmero de empregos na regio, principalmente com a vantagem da proximidade residncia-trabalho. Alm da melhoria da infra estrutura, no s logstica e viria como tambm a de servios pblicos. E, como conseqncia, o fortalecimento do comrcio e servios de toda a regio, e o aumento da arrecadao de tributos, revelou.

Existem hoje na Zona Oeste, os Distritos Industriais de Santa Cruz, Campo Grande, Pacincia e Palmares que foram criados na dcada de 60 e j se encontram plenamente ocupados. De acordo com Wagner, foram criados especificamente para mdias e grandes empresas e em uma realidade econmica bem diversa dos dias de hoje.
Acredito que, por conta disso, h uma carncia de espao para o desenvolvimento das micro e pequenas indstrias do setor metal mecnico desenvolverem-se adequadamente de forma a gerar efeitos significativos sobre as demais industrias locais, seja na qualidade de fornecedora de equipamentos, seja como fornecedora de insumos, disse.

Alis, vale ressaltar que a Zona Oeste delimitada pelo estudo do IE/UFRJ engloba somente as quatro regies administrativas compreendidas por Bangu, Campo Grande, Realengo e Santa
Cruz, que representam mais de 30% da rea do Municpio do Rio de Janeiro, e detm uma populao de mais de 1,5 milho de pessoas cujo IDH ainda se encontra abaixo do aceitvel.

Entre os projetos interligados ao Distrito Industrial de Bangu est a transformao da Base Area Militar de Santa Cruz em aeroporto comercial. Wagner acredita que a regio de Bangu s tem a ganhar, j que a rea de Itagua vai demandar muitos executivos. O desenvolvimento da regio est acontecendo e o compartilhamento do aeroporto vai de encontro s necessidades comerciais da regio., disse. Alm disso, a ACERB tem em vista tambm, a extensa do ramal ferrovirio de Santa Cruz at Itagua e a utilizao do ramal com fins tursticos. Todos os projetos so buscando o desenvolvimento da regio. Todo esforo da Associao Comercial para deslocar o eixo de desenvolvimento da cidade, que est voltado para o Centro do Rio. Porm, para isso, depende da ao do poder publico, finalizou Wagner.

Fonte:Jornal Povo do Rio


 
Usuário:
Senha:


 
Av. Santa Cruz, 4425 - Salas 201 | 202 | 203 - Bangu - Rio de Janeiro - RJ. Tel.: (21) 3331-2127
Programação e webdesign: Perfil Solução
A marca propmeio não existe nesse contexto.